João Alberto provoca Roseana e Flávio Dino para dizer que o Grupo Sarney está vivo para a guerra de 2018

 

joaoprovocador
João Alberto provoca Roseana Sarney e Flávio Dino sobre a disputa de 2018 para o Governo do Estado

As declarações do senador João Aberto (PMDB) provocando a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) no sentido de que ela saia da zona de conforto em que se encontra e se prepare para enfrentar o governador Flávio Dino (PCdoB) na corrida para o Governo do Estado em 2018 funcionou como uma senha para avisar que o Grupo Sarney não está morto e que começa a se recuperar do coma com que saiu das urnas em 2014. Segundo o sempre bem informado blog do jornalista Marco D`Eça, mesmo admitindo que o grupo só tem a ex-governadora com cacife político e eleitoral suficiente para enfrentar o governador, João Alberto falou em tom otimista, argumentando que ela tem capilaridade política e eleitoral em todos os recantos do Maranhão. Raposa política tarimbada, o ativo comandante do PMDB no estado faz também, nas suas declarações, uma clara provocação ao governador ao dizer que a ex-governadora é “é o único nome com força para barrar Flávio Dino”.

Independente da circunstância em que João Alberto deu tais declarações, o fato evidente é que elas têm dois objetivos bem claros. O primeiro é exatamente mandar um recado direto ao governador Flávio Dino e ao grupo partidário que o cerca que os seus contrapontos na política do Maranhão são a ex-governadora Roseana Sarney e o PMDB. E o segundo é dizer que o Grupo Sarney não pretende ficar de braços cruzados quando o processo político e partidário que desembocará nas urnas de 2018 já está em pleno andamento.

João Alberto avança na provocação avaliando, à sua maneira direta, que a população não se deixou seduzir inteiramente pelo projeto de governo e de poder de Flávio Dino e espera uma liderança capaz de fazer o contraponto nas próximas eleições. Tal liderança, para ele, é a ex-governadora Roseana Sarney. E argumenta: “Roseana é o único nome com força para barrar Flávio Dino em 2018. Ela tem o carisma que Dino não tem; e é conhecida eleitoralmente em cada canto deste Maranhão”. E arremata com o tom de tiozão dando-lhe um leve puxão de orelha: “Ela só precisa deixar a zona de conforto e encarar o contraponto ao projeto comunista”.

O presidente do PMDB maranhense reforçou seus provocadores petardos verbais dirigidos ao governador Flávio Dino avaliando que ele e seu grupo fracassaram nas eleições municipais apesar dos impressionantes 46 prefeitos eleitos pelo PCdoB, quase metade dos eleitos pelo partido em todo o país. O senador justifica o que entende ser o fracasso do atual Governo: “Tenho feito política semanalmente no Maranhão. E converso com lideranças de todo o Maranhão. Há um caminho aberto que precisa ser ocupado”. Ou seja, políticos tradicionais não estariam nada satisfeitos com a quebra de paradigma que tem sido a gestão de Flávio Dino, defendido por seus porta-vozes nos cenários estadual nacional como moderna e inovadora.

O fato é que a provocação à Roseana Sarne y e a Flávio Dino foi feita pelo senador João Alberto como uma marcação de terreno numa guerra política que está começando e que ao longo dos 22 meses que restam certamente produzirá situações surpreendentes, como, por exemplo, uma eventual candidatura da ex-governadora ao Palácio dos Leões. Ou uma candidatura do governador ao Senado. E pode-se ler também nas entrelinhas das declarações do senador João Alberto que ele próprio é também candidatíssimo ao Governo caso Roseana Sarney resolva permanecer em casa ou disputar o Senado.

O fato é que dificilmente o senador João Alberto diria o que disse sem ter por motivo um plano de repercussão imediata. Até porque o que está acontecendo é exatamente o fortalecimento político do governador Flávio Dino dentro e fora do Maranhão.

 

PONTO & CONTRAPONTO

Waldir Maranhão encarou os fascistas que ocuparam a Câmara
waldirsufoco-2
Waldir Maranhão – de paletó azul ao centro, resiste às ameaças  dos fascistas

Visto por todo o país como um zumbi político, que perdeu a dignidade do seu mandato por conta de situações constrangedoras que ele próprio criou, o deputado federal Waldir Maranhão (PP) deu ontem na Câmara Federal uma demonstração de que nem tudo foi drenado pelo ralo do desprestígio. Na condição de 1º vice-presidente, ele presidia a sessão quando o plenário foi invadido por uma horda de fascistas que, entre outras coisas, pregavam a volta dos militares ao poder, para submeter o Brasil de novo a uma ditadura. Os fascistas tentaram tirá-lo da cadeira presidencial que ocupava legitimamente, mas ele reagiu, endureceu o jogo e permaneceu onde estava, apesar das ameaças que sofreu por parte dos bandidos políticos que violaram a Carta Magna e agiram como golpistas. Sem se dobrar para os invasores, Waldir Maranhão ocupou a presidência da Mesa durante toda a ocupação. Foi saudado por colegas pela maneira resoluta e corajosa como encarou os fascistas.

Edivaldo Jr. mexerá na equipe, mas sem pressa
ediedudebate
Edivaldo Jr.: sem pressa

São fortes os sinais de que o prefeito Edivaldo Jr. (PDT) vai mexer no secretariado. Mas segundo uma fonte que transita bem na cúpula da administração municipal, não o fará de imediato, devendo promover as mudanças em marcha lenta ao longo dos primeiros meses do se o próximo mandato. Dois setores podem abrir a temporada de troca-troca. Um é a Secretaria de Saúde, que estaria sendo reivindicado pelo PDT, caso a secretária Helena Duailibe atenda a um eventual convite ao governador Flavio Dino (PCdoB) para ser a número 2 do Sistema Estadual de Saúde. O outro é a área de Comunicação Social, para cujo comando se movem alguns nomes, entre eles a própria secretária Conceição, que poderá continuar onde está. A saída de Raimundo Rodriguez da Secretaria de Fazenda foi circunstancial, mas já conta como mudança com a nomeação do agora ex-controlador Delcio Rodrigues.

 

São Luís 16 de Novembro de 2016.

 

6 comentários sobre “João Alberto provoca Roseana e Flávio Dino para dizer que o Grupo Sarney está vivo para a guerra de 2018

  1. ===========
    Os Inteligentinhos
    ==============
    OS INTELIGENTINHOS do PE-TIS-MO, DA SOCIEDADE CIVIL — estudantes, professores universitários, jornalistas, cineastas, artistas, blogueiros, cantorzinhos tipo Chico BUARQUE etc.

    Faça o favor! Num JANTAR DE INTELIGENTINHOS faça o seguinte:

    «Chegue num jantar de inteligentinhos e, por exemplo, defenda a LAVA-JATO ou o Impeachment. Haha. Você vai VER o que vai acontecer com você, né? Vão olhar TORTO pra você achando que, de repente, você é dono de um banco, alguém assim! E não alguém que trabalha duro para sobreviver e, por isso, SEMPRE desconfia de quem não o faz… Né?»

    Quem se encaixa como Inteligentinho?…

    No Sul é o Requião…
    Em Sampa é o HADDAD (intelectualzinho uspiano).
    ¿E no Maranhão? Quem é o inteligentinho do Maranhão?

    1. A Cultura é tão importante quanto a “vida material” do dia-a-dia. Pois está vinculada à Educação e ao “gôsto”…

      “Os Comitês petistas & a Rede Globo:
      sedes de cultura do mesmo estilo.”

      Tudo a ver com a truculência do Petismo [e seus satélites como o PCdoB], somado com toda a breguice do PT.

      Falo é de uma contradição. O GÔSTO da Globo é o GÔSTO do PT, são iguais. Semelhantes.

      A Globo é o PT. O PT é a GLOBO (gôsto e estilo).

      O PT odeia a Globo. Mas são um a cara do outro.

      
O problema é que sempre vai sobrar os COMITÊS PETISTAS, com sua doutrinação cultural tão decadente e bregaça como a Globo.

      
O PT detesta o elitismo (Shakespeare, Truffaut, Beethoven, Machado de Assis, Villa-Lobos, Bach).


      O PT é a Globo. A Globo é o PT. Estilo Globo.

      Gostam é de cancioneiro. De Chico Buarque. Musiquinha. Jamais Buxtehude.


      Pixação (em Sampa, petistas afirmam que é “”arte””. rsss), funk, oba-oba, Anitta etc., cinema estilo a cineasta petista Anna MUYLAERT com filminho brega. Enormemente brega.

      Procure OUVIR Buxtehude.

  2. Que tal pensarmos em João Milionário Santana?? Também!

    Eis aqui:

    MORO é do Mal mesmo.
    
Ele prendeu um marqueteiro… 

    Um milionário! 
Pilantra, não??

    Imagina! Prender um MI-LI-O-NÁ-RIO!
    
Que ousadia esse Juiz Moro.
    O Marqueteiro cobrou na
    Nota Fiscal
    2 Senas acumuladas!
    
R$ 90.000.000,00! 


    Cobrou do PT!
    
Isso com Nota Fiscal! 

    O equivalente a 2 Senas, ACUMULADAS!

    E por baixo, João-o-Milionário-Santana, 

    Lavou dinheiro… 

    Aí esse injusto e babaca do Sr. Juiz Moro,
    vem e prende ele. 

    Um Milionário! 
É mole?

    E o que o PT tem a ver com isso? 

    Ele só ERA o marqueteiro do PT… 
Apenas.
    O PT é puro, bom & honesto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *