João Alberto provoca Roseana e Flávio Dino para dizer que o Grupo Sarney está vivo para a guerra de 2018

 

joaoprovocador
João Alberto provoca Roseana Sarney e Flávio Dino sobre a disputa de 2018 para o Governo do Estado

As declarações do senador João Aberto (PMDB) provocando a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) no sentido de que ela saia da zona de conforto em que se encontra e se prepare para enfrentar o governador Flávio Dino (PCdoB) na corrida para o Governo do Estado em 2018 funcionou como uma senha para avisar que o Grupo Sarney não está morto e que começa a se recuperar do coma com que saiu das urnas em 2014. Segundo o sempre bem informado blog do jornalista Marco D`Eça, mesmo admitindo que o grupo só tem a ex-governadora com cacife político e eleitoral suficiente para enfrentar o governador, João Alberto falou em tom otimista, argumentando que ela tem capilaridade política e eleitoral em todos os recantos do Maranhão. Raposa política tarimbada, o ativo comandante do PMDB no estado faz também, nas suas declarações, uma clara provocação ao governador ao dizer que a ex-governadora é “é o único nome com força para barrar Flávio Dino”.

Independente da circunstância em que João Alberto deu tais declarações, o fato evidente é que elas têm dois objetivos bem claros. O primeiro é exatamente mandar um recado direto ao governador Flávio Dino e ao grupo partidário que o cerca que os seus contrapontos na política do Maranhão são a ex-governadora Roseana Sarney e o PMDB. E o segundo é dizer que o Grupo Sarney não pretende ficar de braços cruzados quando o processo político e partidário que desembocará nas urnas de 2018 já está em pleno andamento.

João Alberto avança na provocação avaliando, à sua maneira direta, que a população não se deixou seduzir inteiramente pelo projeto de governo e de poder de Flávio Dino e espera uma liderança capaz de fazer o contraponto nas próximas eleições. Tal liderança, para ele, é a ex-governadora Roseana Sarney. E argumenta: “Roseana é o único nome com força para barrar Flávio Dino em 2018. Ela tem o carisma que Dino não tem; e é conhecida eleitoralmente em cada canto deste Maranhão”. E arremata com o tom de tiozão dando-lhe um leve puxão de orelha: “Ela só precisa deixar a zona de conforto e encarar o contraponto ao projeto comunista”.

O presidente do PMDB maranhense reforçou seus provocadores petardos verbais dirigidos ao governador Flávio Dino avaliando que ele e seu grupo fracassaram nas eleições municipais apesar dos impressionantes 46 prefeitos eleitos pelo PCdoB, quase metade dos eleitos pelo partido em todo o país. O senador justifica o que entende ser o fracasso do atual Governo: “Tenho feito política semanalmente no Maranhão. E converso com lideranças de todo o Maranhão. Há um caminho aberto que precisa ser ocupado”. Ou seja, políticos tradicionais não estariam nada satisfeitos com a quebra de paradigma que tem sido a gestão de Flávio Dino, defendido por seus porta-vozes nos cenários estadual nacional como moderna e inovadora.

O fato é que a provocação à Roseana Sarne y e a Flávio Dino foi feita pelo senador João Alberto como uma marcação de terreno numa guerra política que está começando e que ao longo dos 22 meses que restam certamente produzirá situações surpreendentes, como, por exemplo, uma eventual candidatura da ex-governadora ao Palácio dos Leões. Ou uma candidatura do governador ao Senado. E pode-se ler também nas entrelinhas das declarações do senador João Alberto que ele próprio é também candidatíssimo ao Governo caso Roseana Sarney resolva permanecer em casa ou disputar o Senado.

O fato é que dificilmente o senador João Alberto diria o que disse sem ter por motivo um plano de repercussão imediata. Até porque o que está acontecendo é exatamente o fortalecimento político do governador Flávio Dino dentro e fora do Maranhão.

 

PONTO & CONTRAPONTO

Waldir Maranhão encarou os fascistas que ocuparam a Câmara
waldirsufoco-2
Waldir Maranhão – de paletó azul ao centro, resiste às ameaças  dos fascistas

Visto por todo o país como um zumbi político, que perdeu a dignidade do seu mandato por conta de situações constrangedoras que ele próprio criou, o deputado federal Waldir Maranhão (PP) deu ontem na Câmara Federal uma demonstração de que nem tudo foi drenado pelo ralo do desprestígio. Na condição de 1º vice-presidente, ele presidia a sessão quando o plenário foi invadido por uma horda de fascistas que, entre outras coisas, pregavam a volta dos militares ao poder, para submeter o Brasil de novo a uma ditadura. Os fascistas tentaram tirá-lo da cadeira presidencial que ocupava legitimamente, mas ele reagiu, endureceu o jogo e permaneceu onde estava, apesar das ameaças que sofreu por parte dos bandidos políticos que violaram a Carta Magna e agiram como golpistas. Sem se dobrar para os invasores, Waldir Maranhão ocupou a presidência da Mesa durante toda a ocupação. Foi saudado por colegas pela maneira resoluta e corajosa como encarou os fascistas.

Edivaldo Jr. mexerá na equipe, mas sem pressa
ediedudebate
Edivaldo Jr.: sem pressa

São fortes os sinais de que o prefeito Edivaldo Jr. (PDT) vai mexer no secretariado. Mas segundo uma fonte que transita bem na cúpula da administração municipal, não o fará de imediato, devendo promover as mudanças em marcha lenta ao longo dos primeiros meses do se o próximo mandato. Dois setores podem abrir a temporada de troca-troca. Um é a Secretaria de Saúde, que estaria sendo reivindicado pelo PDT, caso a secretária Helena Duailibe atenda a um eventual convite ao governador Flavio Dino (PCdoB) para ser a número 2 do Sistema Estadual de Saúde. O outro é a área de Comunicação Social, para cujo comando se movem alguns nomes, entre eles a própria secretária Conceição, que poderá continuar onde está. A saída de Raimundo Rodriguez da Secretaria de Fazenda foi circunstancial, mas já conta como mudança com a nomeação do agora ex-controlador Delcio Rodrigues.

 

São Luís 16 de Novembro de 2016.

 

7 comentários sobre “João Alberto provoca Roseana e Flávio Dino para dizer que o Grupo Sarney está vivo para a guerra de 2018

    1. A ASSEMBLÉIA DOS RATOS PETISTAS:

      Era uma vez uma colônia de ratos, que viviam com medo de um gato.

      Resolveram fazer uma assembleia para encontrar um jeito de acabar com aquele transtorno QUE VINHA DE CURITIBA.

      Muitos planos foram discutidos e abandonados. No fim, um jovem e esperto rato deu uma excelente ideia:

      
– Vamos pendurar uma sineta no pescoço do gato e, assim, sempre que ele estiver por perto ouviremos a sineta tocar e poderemos fugir correndo.
      
Todos bateram palmas; o problema estava resolvido. Vendo aquilo, um velho rato disse:

      
–- O plano é inteligente e muito bom. Só falta uma coisa: quem vai pendurar a sineta no pescoço do gato???

  1. ===========
    Os Inteligentinhos
    ==============
    OS INTELIGENTINHOS do PE-TIS-MO, DA SOCIEDADE CIVIL — estudantes, professores universitários, jornalistas, cineastas, artistas, blogueiros, cantorzinhos tipo Chico BUARQUE etc.

    Faça o favor! Num JANTAR DE INTELIGENTINHOS faça o seguinte:

    «Chegue num jantar de inteligentinhos e, por exemplo, defenda a LAVA-JATO ou o Impeachment. Haha. Você vai VER o que vai acontecer com você, né? Vão olhar TORTO pra você achando que, de repente, você é dono de um banco, alguém assim! E não alguém que trabalha duro para sobreviver e, por isso, SEMPRE desconfia de quem não o faz… Né?»

    Quem se encaixa como Inteligentinho?…

    No Sul é o Requião…
    Em Sampa é o HADDAD (intelectualzinho uspiano).
    ¿E no Maranhão? Quem é o inteligentinho do Maranhão?

    1. A Cultura é tão importante quanto a “vida material” do dia-a-dia. Pois está vinculada à Educação e ao “gôsto”…

      “Os Comitês petistas & a Rede Globo:
      sedes de cultura do mesmo estilo.”

      Tudo a ver com a truculência do Petismo [e seus satélites como o PCdoB], somado com toda a breguice do PT.

      Falo é de uma contradição. O GÔSTO da Globo é o GÔSTO do PT, são iguais. Semelhantes.

      A Globo é o PT. O PT é a GLOBO (gôsto e estilo).

      O PT odeia a Globo. Mas são um a cara do outro.

      
O problema é que sempre vai sobrar os COMITÊS PETISTAS, com sua doutrinação cultural tão decadente e bregaça como a Globo.

      
O PT detesta o elitismo (Shakespeare, Truffaut, Beethoven, Machado de Assis, Villa-Lobos, Bach).


      O PT é a Globo. A Globo é o PT. Estilo Globo.

      Gostam é de cancioneiro. De Chico Buarque. Musiquinha. Jamais Buxtehude.


      Pixação (em Sampa, petistas afirmam que é “”arte””. rsss), funk, oba-oba, Anitta etc., cinema estilo a cineasta petista Anna MUYLAERT com filminho brega. Enormemente brega.

      Procure OUVIR Buxtehude.

  2. Que tal pensarmos em João Milionário Santana?? Também!

    Eis aqui:

    MORO é do Mal mesmo.
    
Ele prendeu um marqueteiro… 

    Um milionário! 
Pilantra, não??

    Imagina! Prender um MI-LI-O-NÁ-RIO!
    
Que ousadia esse Juiz Moro.
    O Marqueteiro cobrou na
    Nota Fiscal
    2 Senas acumuladas!
    
R$ 90.000.000,00! 


    Cobrou do PT!
    
Isso com Nota Fiscal! 

    O equivalente a 2 Senas, ACUMULADAS!

    E por baixo, João-o-Milionário-Santana, 

    Lavou dinheiro… 

    Aí esse injusto e babaca do Sr. Juiz Moro,
    vem e prende ele. 

    Um Milionário! 
É mole?

    E o que o PT tem a ver com isso? 

    Ele só ERA o marqueteiro do PT… 
Apenas.
    O PT é puro, bom & honesto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *