Avaliação: deputados federais se mostram surpresos e avalizam o desempenho de Othelino Neto no comando do Legislativo

 

Zé Carlos, Rubens Jr., Juscelino Filho. Weverton Rocha, Cléber Verde, Juliao Amim, Pedro Fernandes e Carlos Brandão aprovam o desempenho de Othelino Neto - na posse com Flávio Dino - no comando da Assembleia Legislativa
Zé Carlos, Rubens Jr., Juscelino Filho. Weverton Rocha, Cléber Verde, Julião Amim, Pedro Fernandes e Carlos Brandão aprovam o desempenho de Othelino Neto – na posse com Flávio Dino –  à frente do Poder Legislativo

O que eram manifestações de entusiasmo e incentivo por conta dos acertos dos primeiros momentos, as avaliações positivas do desempenho do deputado Othelino Neto (PCdoB) na presidência da Assembleia Legislativa (Alema) passaram a ganhar densidade, forte teor de interpretação e um viés mais crítico, inclusive quando feitas por olhares de fora do ambiente que domina o Poder Legislativo estadual. Na sua incursão por Brasília nesta semana, onde cobriu a participação maranhense na 21ª Marcha dos Prefeitos à Brasília, o jornalista Djalma Rodrigues teve a boa e oportuna sacada de ouvir deputados federais maranhenses sobre como estão avaliando o desempenho de um parlamentar da nova geração no comando de uma das instituições mais sensíveis, ativas e complexas entre as que têm o poder de mudar regras, abrigar e administrar conflitos e garantir a estabilidade política e institucional do Estado maranhense. Mesmo levando em conta o fato de que há muita diplomacia, as declarações mostram que os sete deputados federais ouvidos e o vice-governador Carlos Brandão (PRB) estão de fato impressionados com a condução que o presidente Othelino Neto está dando ao Poder Legislativo estadual, principalmente nesse momento pré-eleitoral, quando as diferenças costumam ganhar força e gerar confrontos.

O deputado Zé Carlos da Caixa (PT), conhecido pelo discurso duro, avesso a confetes, revelou que vem observando os fatos de longe, mas percebe que o deputado Othelino Neto “é um político extremamente conciliador, que conduz a Assembleia de forma democrática”, revelando que “seu trabalho repercute também aqui em nossa bancada, pela maneira com que ele conduz o Legislativo do Maranhão”. E concluiu: “Seu trabalho é marcante”. Colega de partido, o deputado Rubens Júnior (PC do B) observa a gestão que começa a se revelar modernizadora por conta de decisões inéditas. “Também ampliou o canal de diálogo com os demais entes, como o governo do Estado, Tribunal de Justiça e com demais segmentos da sociedade”, assinalou, avaliando que o deputado “é um  jovem que já entrou para a galeria dos grandes presidentes da Assembleia Legislativa”.

Integrante da novíssima geração de políticos, mas de viés ideológico muito diferente do que move o presidente da Alema, o deputado Juscelino Filho (DEM) avaliou que Othelino Neto tem mantido a Casa unida, apesar das diferenças que ela abriga. Para ele, o presidente vem dirigindo a Alema “com maestria”, assinalando que “ele tem se mostrado um presidente muito conciliador, e isso é muito importante para o Maranhão”. Weverton Rocha (PDT), um dos destaques da nova geração – tanto é que um forte candidato ao Senado -, exaltou a ação do presidente Othelino Neto, destacando-o como “um político municipalista, que consegue construir uma agenda de diálogo com os prefeitos, o Governo do Estado e a bancada federal”. E o apontou como “um dos protagonistas da construção desse momento político, por se revelar um grande conciliador”.

Um dos mais bem sucedidos e tarimbados membros da bancada federal, Cleber Verde (PRB) avaliou que Othelino Neto “tem feito um trabalho extraordinário, porque, além de colocar em pauta projeto de grande relevância para o Maranhão, vem mantendo uma agenda de conciliação que envolve toda a classe política e a sociedade maranhense”. E fechou a impressão: “É uma grande revelação política do nosso estado”. Do alto da sua experiência de militante partidário e de ação parlamentar, o deputado Julião Amin (PDT) observou que “é tarefa bastante árdua dirigir uma Assembleia Legislativa, mas o deputado Othelino Neto vem surpreendendo, na condução de uma Casa de conflitos”. E foi além: “Ele é uma grande revelação, pautando suas ações pela serenidade, competência e democracia”.

Considerado hoje um dos parlamentares mais experientes do Maranhão, com um histórico de correção e seriedade, Pedro Fernandes (PTB) definiu o deputado Othelino Neto como “um sopro de renovação que está acontecendo na política do Maranhão”. Avaliou: “Ele está fazendo um excelente trabalho, vem se revelando como uma autêntica liderança e a classe política, assim como toda a sociedade, só tem a ganhar”.

O vice-governador Carlos Brandão (PRB) fez uma avaliação mais ampla, primeiro revelando-se surpreso pela performance do presidente Othelino Neto, afirmando: “Ele ganhou experiência ao assumir a presidência Alema nos períodos de afastamento do saudoso Humberto Coutinho. Ao se efetivar, mostrou competência e muito poder de articulação, manteve a parceria institucional com o Governo, o que garante a aprovação de projetos oriundos do Executivo direcionados para o bem-estar do povo e vem se conduzindo de forma irrepreensível, com muita habilidade”.

Não foram avaliações graciosas mescladas com elogios manjados. Há, de fato, no meio político, a começar pelos seus colegas de Casa, uma sensação de surpresa positiva em relação ao desempenho do jovem presidente da Assembleia Legislativa.

 

PONTO & CONTRAPONTO

 

Felipe Camarão entra na ciranda política e faz desafio civilizado a Roseana Sarney

Felipe Camarão: desafio a Roseana Sarney com um pé na política
Felipe Camarão: desafio a Roseana Sarney com um pé na política

“Que comecem as comparações! Mas, por favor, que sejam em todas as áreas, todos os índices e dimensões. Ah, e que sejam quatro mandatos contra um apenas. Ainda assim, este é melhor! Avante!”.

As declarações, feitas em tom de desafio, não partiram de um deputado nem de um porta-voz governista escalado pela Secretaria de Comunicação e Articulação Política. Elas foram postadas no twitter como um rebate do secretário de Estado de Educação, Felipe Camarão, à ex-governadora Roseana Sarney (MDB).

O ato-desafio de Felipe Camarão – que já está filiado DEM – reforça a impressão de que ele aos poucos vai mesclando o seu perfil de bom administrador público com o de quem está entrando de cabeça na vida política e vislumbrando um horizonte largo. No meio político, o comentário mais comum que se faz em relação a Felipe Camarão é o de que ele é a primeira opção do governador Flávio Dino (PCdoB) para disputar a Prefeitura de São Luís em 2020.

Seria interessante que a ex-governadora Roseana Sarney escalasse um porta-voz categorizado e bem informado para encarar o desafio feito com elegância e bom humor pelo secretario estadual de Educação.

 

Estranho: comando estadual do PSL não dá a mínima para candidatura de Bolsonaro

Chico Carvalho e Isaías Pereirinha não estão nem aí para Jair Bolsonaro
Chico Carvalho e Isaías Pereirinha não estão nem aí para Jair Bolsonaro

Algo estranho está acontecendo nas entranhas do PSL maranhense. Até agora, o presidente estadual do partido, vereador Chico Carvalho, nem seu parceiro de agremiação, vereador Isaias Pereirinha, ambos ex-presidentes da Câmara Municipal de São Luís, se manifestaram com clareza em relação ao candidato a presidente da sua legenda partido, o deputado federal Jair Bolsonaro (RJ), representante da extrema direita primitiva na corrida presidencial. A bandeira bolsonarista no Maranhão foi inteiramente abraçada pela ex-prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge, pré-candidata ao Governo do Estado pelo Podemos. O comando do PSL não se manifestou nem diante da condenação de Maura Jorge e Bolsonaro pela Justiça Eleitoral por conta de propaganda antecipada. Chico Carvalho e Isaías Pereirinha são aliados tradicionais do Grupo Sarney, devendo – tudo indica – declarar apoio à candidatura da ex-governadora Roseana Sarney. Mas tudo indica que não estão inclinados a vestir a camisa do coronel que defende a ditadura militar e faz rasgados elogios a torturadores.

São Luís, 24 de Maio de 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *