Marcelo Tavares, Rodrigo Lago, Rubens Jr. e Márcio Jerry formam time de articuladores políticos de Flávio Dino

 

Marcelo Tavares, Rodrigo Lago, Rubens Jr. e Márcio Jerry formam o time de articuladores políticos do Governo

A nova composição do secretariado, a ampla base na Assembleia Legislativa, a nítida vantagem nas representações no Congresso Nacional, as alianças na esmagadora maioria dos municípios e a completa desarticulação do Grupo Sarney como Oposição fazem com que o governador Flávio Dino (PCdoB) tenha uma situação política confortável no front interno, o que lhe dá condições para ampliar suas relações no plano nacional. Mas o governador, que   há muito integra no seleto clube das raposas, certamente já aprendeu que em política esse conforto não é de todo sólido e que mantê-lo requer um monitoramento permanente, evitando uma rachadura aqui, um pavio aceso ali, uma trombada acolá. Daí porque, além dele próprio, o governador mantém na sua equipe assessores com estatura e habilidade para consertar fissuras e apagar incêndios ao menor sinal de fumaça, como o chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares (PSB), um articulador hábil e eficiente, o novo secretário de Comunicação e Articulação Política, Rodrigo Lago, já traquejado no jogo pelo poder, o deputado federal licenciado Rubens Jr. (PCdoB), que também ajudará na seara política, e o deputado federal e presidente estadual do PCdoB Márcio Jerry, que é de longe o mais ativo e mais, autorizado porta-voz político do Governo Flávio Dino.

Licenciado do mandato de deputado estadual, Marcelo Tavares reassumiu o comando da poderosa Casa Civil, que é o elo do governador com o resto do mundo, com a tarefa de manter a aliança sem traumas, conversando com todos os representantes partidários. Marcelo Tavares vira e mexe se desloca para a Assembleia Legislativa, onde conversa com deputados da base e da Oposição para acertar os ponteiros em relação a matérias de interesse do Governo sempre que algum projeto. Agora mesmo, a julgar pelo que vêm especulando alguns blogs e jornais, Marcelo Tavares estaria com a tarefa de fazer uma interlocução entre o governador Flávio Dino e o prefeito de São José de Ribamar, Luiz Fernando Silva (PSDB), com o objetivo fazê-lo deixar o cargo para assumir um cargo de peso no Governo.

O advogado Rodrigo Lago foi escalado a Secretaria de Comunicação e Articulação Política para cuidar da área de Comunicação, que é de importância capital para o Governo, e também para funcionar como articulador político, fazendo a interlocução com os canais que formam a base partidária do Governo. Houve quem se surpreendeu com a escolha, sob o argumento de Rodrigo Lago é um craque em Direito Eleitoral, mas não talhado para a articulação. Ledo engano. Ao mesmo tempo em que lhe deu suporte jurídico, Rodrigo Lago foi um dos principais articuladores políticos do grande movimento que levou o Flávio Dino poder em 2014. Tanto que recebeu do governador a tarefa ajudar na tessitura da rede de apoios que consolidou a aliança vitoriosa nas urnas. Além do mais, traz no gene o DNA político dos Lago, explorado com muita competência pelo pai, o ex-deputado Aderson Lago.

Convocado para a Secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano, o deputado federal Rubens Pereira Jr. certamente fará parte do grupo de articuladores do Governo. Cria política do ex-deputado Rubens Pereira, por muitos apontado como um craque nos bastidores, Rubens Jr. traz para o tabuleiro do jogo político estadual uma boa experiência adquirida nos seus mandatos parlamentares, principalmente o de deputado federal, ao longo do qual atuou com o um dos nomes mais destacados da bancada federal do PCdoB. Deverá receber tarefas políticas do governador Flávio Dino.

A ida para a Câmara Federal como o terceiro mais votado da bancada maranhense não tirou Márcio Jerry da linha de frente nas articulações políticas do Governo. Em Brasília, será o porta-voz do Palácio dos Leões. E mesmo estando em Brasília, além da interlocução que mantém com o governador Flávio Dino, o deputado Márcio Jerry permanece firme e inabalável no comando do braço maranhense do PCdoB. Não há dúvidas de que o agora parlamentar continuará como o principal conselheiro político do governador e participará de todas as decisões o chefe tomará nesse campo.

Esse time de dará o suporte que o governador Flávio Dino precisa para poder se movimentar com mais liberdade e desenvoltura na seara política, inclusive para construir a plataforma que precisará para entrar na corrida presidencial. Mas sem mudar um dado essencial: ele tem a última palavra.

 

 PONTO & CONTRAPONTO

 

Cleones Cunha assume comando do TRE prometendo varrer resquício que possa sugerir fraude no sistema eleitoral

Entre o governador Flávio Dino e o presidente da Assembleia Legislativa Othelino Neto, o desembargador Cleones Cunha toma posse no comando da Justiça Eleitoral

A Justiça Eleitoral do Maranhão tem novo comando desde ontem. O desembargador Cleones Cunha é o novo presidente e o desembargador Tyrone Silva é o vice-presidente e corregedor eleitoral. A posse se deu em concorrida sessão solene com a presença do governador Flávio Dino, o presidente da Assembleia Legislativa Othelino Neto (PCdoB) e do presidente do Poder Judiciário, desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos, e muitos políticos, especialmente deputados estaduais.

No seu discurso, o novo chefe maior da Justiça Eleitoral no Maranhão mandou um recado contundente aos que duvidam da eficiência e da correção da instituição:  “Aqui, defende-se o direito de escolha do povo! O exercício da democracia! A soberania popular! Defende-se a liberdade e o futuro de nosso país! Aqui, nos casos de tentativa de burla à lisura do processo eleitoral, de abuso de poder político e econômico, de propaganda eleitoral ilegal, sanamos as irregularidades porventura existentes na eleição”.
Continuando, avisou que extirpará do sistema que possa gerar uma suspeita de fraude:  “Iniciamos, há pouco, um novo ano e, agora, um novo ciclo preparatório para as próximas eleições municipais. E, justamente por ter como norte a função primordial desta justiça especializada de tornar cada vez mais ético o nosso sistema eleitoral, focarei esta gestão no aprimoramento e conclusão do processo de recadastramento biométrico, objetivando assegurar a idoneidade do cadastro eleitoral e extirpar qualquer resquício que possa existir de fraude eleitoral; e na implantação do Processo Judicial Eletrônico nas zonas eleitorais para otimizar e propiciar maior efetividade à prestação jurisdicional. Darei, assim, continuidade às implementações já iniciadas pelas gestões que me antecederam”.

É isso.

 

Novos secretários da Mulher e do Turismo têm desafios gigantescos para enfrentar

Os 12 novos secretários do Governo Flávio enfrentarão dificuldades e obstáculos a vencer nas pastas que assumiram, mas dois, em especial, Ana Mendonça, a quem foi entregue a Secretaria de Estado da Mulher, e Antônio José Bittencourt de Albuquerque Jr., que comandará a Secretaria de Estado do Turismo, terão nas suas pastas desafios gigantescos.

Ana Mendonça tem um grande desafio ao assumir a Secretaria da Mulher

Ana Mendonça, que deixou a Assembleia Legislativa para comandar uma pasta que exigirá dela sensibilidade, compreensão profunda da realidade social e econômica do Maranhão e, mais do que isso, coragem e determinação para colocar na agenda prioritária do Governo a questão da mulher sob todos os aspectos, da concepção ao feminicídio, passando pela condição socioeconômica e cultural. De origem humilde, Ana Mendonça – ou Ana do Gás, como é mais conhecida – traz na sua própria História sinais de quem teve de superar obstáculos para chegar onde chegou com a sua dignidade intacta, e por isso certamente tem uma noção muito clara do que é ser mulher na sociedade onde atua como política. Sua escolha para a pasta é, na verdade, uma oportunidade excepcional para que ela demonstre que conhece a realidade da mulher no Maranhão e que sabe o que deve ser feito para mudá-la para melhor. Num prenúncio de que caminhava para se tornar secretária, a deputada Ana Mendonça fez dois discursos abordando a questão da Mulher. Os dois com início meio e fim, sinalizando que ela chegaria lastreada no cargo. Resta aguardar a prática.

Antônio José Jr tem o desafio de dar grandeza á área de turismo

Antônio José Bittencourt de Albuquerque, advogado por formação e com forte envolvimento com a política, a exemplo do pai, o vereador e atual presidente da Câmara Municipal de Caxias Antônio José Bittencourt de Albuquerque, o Catulé, assumiu a pasta do Turismo com o desafio de explorar ao máximo o excepcional potencial turístico do Maranhão. O novo secretário que recebeu a incumbência de transformar o Turismo, que vinha sendo tratado em plano secundário como parte da pasta da Cultura, numa para de ponta e de referência, tornando-a também um pilar da base econômica do estado. Nos bastidores do Governo corre que Antônio Bittencourt de Albuquerque Jr., por muitos conhecido como Catulezinho, tem preparo de sobra para encarar um desafio dessa envergadura. É um excelente começo.

São Luís, 26 de Fevereiro de 2019.

2 comentários sobre “Marcelo Tavares, Rodrigo Lago, Rubens Jr. e Márcio Jerry formam time de articuladores políticos de Flávio Dino

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *