Baleia Rossi confirma apoio de Flávio Dino e volta para Brasília certo de que tem maioria na bancada maranhense

Baleia Rossi ouvi sugestões de Flávio Dino, conversa com Eduardo Braide e registra visita Roseana Sarney  em SL

Na incursão eleitoral que fez ontem ao Maranhão, o deputado Baleia Rossi (MDB-SP), candidato a presidente da Câmara Federal apoiado pelo atual presidente, Rodrigo Maia (DEM-RJ), conseguiu uma situação rara no atual tabuleiro político maranhense: reuniu as grandes correntes políticas do estado em apoio à sua candidatura. Nas quatro horas da sua escala em São Luís, o emedebista aumentou seu cacife na bancada maranhense, que era de cinco votos, para nove votos, virando o jogo e ultrapassando o deputado da base bolsonarista Arthur Lira (PP-AL), que perdeu um dos sete votos que tinha. Quatro deputados – Zé Carlos (PT), Pedro Lucas (PTB), Edilázio Jr. (PSD) e Josivaldo JP (PHS) – bateram martelo por sua candidatura. O líder emedebista consolidou o apoio do governador Flávio Dino, que o recebeu muito bem no Palácio dos Leões, e confirmando os dois votos do PCdoB. O mesmo aconteceu nos encontros com o prefeito Eduardo Braide (Podemos), que sinalizou apoio à sua candidatura, e na visita à ex-governadora Roseana Sarney, que integra o comando nacional do MDB.

Os dois candidatos que vieram ao Maranhão dependem agora dos três votos controlados pelo deputado Josimar de Maranhãozinho (PL) – o dele próprio, e os de Júnior Lourenço (PL) e Merreca Filho (Patriotas). Se os três forem para Baleia Rossi, o emedebista irá a 12 votos no Maranhão, firmando um placar de 12 a seis. Mas se os três votos forem dados a Arthur Lira, o bolsonarista chegará a nove votos, produzindo empate. Depois do périplo pelo Palácio dos Leões, pelo Palácio de la Ravardière e pela Península da Ponta D`Areia, Baleia Rossi embarcou ontem à noite de volta a Brasília empolgado com os resultados das suas visitas ao governador Flávio Dino (PCdoB), ao prefeito Eduardo Braide (Podemos) e à ex-governadora Roseana Sarney (MDB).

A escala no Palácio dos Leões foi emblemática. Baleia Rossi estava acompanhado pelo deputado federal João Marcelo (MDB), dos três deputados estaduais do MDB – Roberto Costa, Arnaldo Melo e Socorro Waquim -, da cúpula do PCdoB, do vice-governador Carlos Brandão (Republicanos), entre outros representantes partidários. Ali, o governador Flavio Dino lhe confirmou o apoio do seu partido, e cobrou dele o compromisso de manter a Câmara Federal como baluarte da democracia. E sugeriu que na sua gestão sejam pautadas matérias essenciais: “Nós defendemos a produção brasileira, os produtores brasileiros, defendemos que o Brasil produza alimentos, defendemos o Meio Ambiente. Em torno dessas pautas se dá essa aliança ampla no Maranhão”, disse, enfático, o governador do Maranhão. “Apesar das diferentes visões políticas, temos a mesma visão derivada da questão da democracia, do papel da Câmara Federal e da independência entre os poderes”, acrescentou o governador.

Baleia Rossi agradeceu ao governador, pontuando: “Queremos ter uma Câmara livre, independente, para ajudar o nosso país a recuperar a sua economia e superar a pandemia. Vamos trabalhar com harmonia e diálogo. A Câmara forte significa parlamentares fortes para trabalhar em defesa do seu estado, seus municípios e do nosso país”.

No encontro com o prefeito Eduardo Braide (Podemos), no Palácio dela Ravardière, Baleia Rossi pediu apoio à sua candidatura reafirmando os compromissos de manter a Câmara Federal como uma instituição de diálogo e independência. O prefeito, por seu turno, pediu ao candidato que, se eleito, coloque em pauta dois projetos de sua autoria: um que trata de medidas que facilitarão o combate ao câncer no País, e outro para consolidar o projeto da Lei Aldir Blanc, que prevê benefícios para a área cultural. Ao agradecer a acolhida, Baleia Rossi prometeu que, se eleito, cuidará dos dois projetos. Da Prefeitura, já no início da noite, Baleia Rossi visitou a ex-governadora Roseana Sarney, de quem é amigo. Eles conversaram sobre a eleição, e Roseana Sarney, que conheceu bem os bastidores e os humores da Câmara Federal como líder do Governo Lula no Congresso Nacional, se ofereceu para ajudá-lo na articulação.

Ao deixar São Luís, por volta das 20 horas, depois de ter recebido o poio de forças da Situação e da Oposição no Maranhão, o deputado Baleia Rossi se mostrava confiante na vitória. Afinal, voou para Brasília levando na bagagem a certeza de que terá a maioria dos 18 votos da bancada do Maranhão.

 

PONTO & CONTRAPONTO

 

Josimar de Maranhãozinho tem papel decisivo no posicionamento da bancada na eleição da Câmara Federal

A pancada moral e política que recebeu na Operação Descalabro, há três semanas, na qual, por ordem judicial, a Polícia Federal invadiu endereços a ele ligados, revirou gavetas e encontrou mais de R$ 3 milhões em dinheiro vivo guardado em pacotes, que seriam frutos de um esquema de corrupção por meio de desvio de recursos de emendas federais destinados à área de Saúde, o deputado Josimar de Maranhãozinho (foto) continua ocupando espaço respeitável no cenário político estadual. Exatamente neste momento, ele está no epicentro da disputa pela presidência da Câmara Federal cujo resultado depende da decisão que ele vier a tomar.

Senhor absoluto do PL no Maranhão e recém-saído das eleições municipais com 40 prefeitos, e chefe maior de uma bancada de cinco deputados na Assembleia Legislativa, Josimar de Maranhãozinho controla uma minibancada de deputados federais, que inclui ele próprio, Júnior Lourenço (PL), Marreca Filho (Patriotas) e Pastor Gildenemyr (PL). Como Pastor Gildenemyr já declarou seu voto a Arthur Lira, ele vai decidir o rumo dos três votos sobre o qual exerce controle total.

Se decidir votar em Baleia Rossi, o candidato do MDB, que já tem nove votos praticamente garantidos, conquistará dois terços da bancada, mas se a opção for por Arthur Lira, o candidato bolsonarista terá nove votos e a bancada irá às urnas dividida ao meio. É provável que o governador Flavio Dino interceda em favor do emedebista, mas o que definirá o rumo dos três votos será uma conversa que Josimar de Maranhãozinho terá com Baleia Rossi na semana que vem, em Brasília.

 

Polícia está no encalço dos autores de notícia falsa envolvendo o secretário Carlos Lula

Carlos Lula: alvo de notícia falsa sobre vacina

A Polícia Civil está no encalço dos bandidos que postaram uma notícia falsa dando conta de que o secretário de estado da Saúde, Carlos Lula estaria oferecendo vacina para compra na internet. O post é grosseiro, foi detectado rapidamente, tendo o secretário publicado um desmentido, evitando assim que o crime virtual ganhasse o mundo. A notícia falsa vai custar caro aos seus autores. Primeiro porque serão identificados rapidamente, e depois porque, além da cana que certamente curtirão, serão processados também por danos morais. Homem sério, advogado de profissão, e dono de uma vida irrepreensível do ponto de vista moral e ético, e que realizando um trabalho gigantesco e desafiador na Saúde estadual, o secretário Carlos Lula está indignado com o uso criminoso do seu nome e número de telefone pelos bandidos virtuais para montar a notícia falsa.  A julgar pelo que a Polícia já apurou, a identificação e prisão dos meliantes se darão em pouco tempo.

São Luís, 23 de Janeiro de 2021.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *