Candidato irreversível ao Senado, José Reinaldo avisa que fica no PSB e vai comandar o partido no Maranhão

 

zereinaldo 1
José Reinaldo vai comandar o PSB no Maranhão

O deputado federal José Reinaldo Tavares bateu martelo: vai permanecer no PSB e disputar uma das vagas no Senado pelo partido. E com um dado a mais: vai comandar o partido no Maranhão. Com a decisão, o braço maranhense do partido recriado pelo legendário líder pernambucano Miguel Arraes e consolidado pelo seu neto Eduardo Campos ganha finalmente um norte depois de arrastar-se por anos, fragilizado por inconciliáveis conflitos internos, tendo o próprio ex-governador de um lado e o hoje senador Roberto Rocha de outro, somando-se ainda o deputado estadual Bira do Pindaré no epicentro e em guerra aberta contra o segundo. O PSB do Maranhão hoje está dividido em relação ao governador Flávio Dino, que tem José Reinaldo e Bira do Pindaré como aliados, Roberto Rocha como adversário e a deputada federal Luana Alves – que assumiu na vaga aberta com a morte do ex-governador e deputado federal João Castelo – distante do Palácio dos Leões. Os 13 prefeitos que elegeu no ano passado, entre eles Luciano Leitoa (Timon), que oficialmente preside o partido, não formam um corpo partidário sólido, o que faz do PSB maranhenses um partido desfigurado e sem identidade.

Se, de fato, o PSB vier a ser comandado pelo ex-ministro, ex-governador e atual deputado federal José Reinaldo, o partido terá, finalmente, uma identidade, uma linha de ação, que lhe permitirá ampliar o seu espaço na política do Maranhão. Político refreado enquanto pertenceu ao PMDB e ao Grupo Sarney, onde foi inibido pelo domínio absoluto e avassalador de Roseana Sarney, José Reinaldo se agigantou, mostrando coragem pessoal e personalidade política quando rompeu com o grupo em 2003 e comandou o movimento que resultou na histórica eleição de Jackson Lago em 2006. Foi também decisivo no movimento que levou Flávio Dino ao poder em 2014. Dentro do PSB, porém, José Reinaldo sofreu vários entraves e travou embates. Vinha examinando a possibilidade de deixar o partido para ingressar no PSDB, mas decidiu permanecer onde está depois de obter na direção nacional a garantia de que terá o controle do partido no Maranhão, o que será facilitado pela provável migração do senador Roberto Rocha para o PSDB.

Fundado no início dos anos 80 por um grupo formado por Guilherme Freire, Valdelino Cécio, Rossini Corrêa, entre outros – o autor da Coluna assinou o livro de fundação do partido -, o PSB bolou de mão e mão, foi meio de ação de figuras exponenciais da esquerda maranhense, como José Carlos Sabóia, foi “assaltado” por oportunistas e chegou ao extremo de ser comandado pelo “neosocialista” Ricardo Murad, que o usou para fazer de conta que estava rompido com o Grupo Sarney, mas passou-o em frente quando voltou aos braços da locomotiva sarneysista se acomodando no PMDB. O PSB viveu um período de relativa paz sob o comando do respeitado advogado José Antonio Almeida, mas voltou aos conflitos quando o então deputado federal Roberto Rocha promoveu um racha, ficando com o controle do partido em São Luís, ficando José Reinaldo e José Antônio controlando o Diretório estadual, vivendo as duas alas em conflito permanente.

Candidato assumido e irreversível a senador, projeto que foi atropelado duas vezes (2010 e 2014) por divergências dentro do partido, José Reinaldo Tavares reúne todas as condições de transformar o PSB num partido forte, com a participação dos deputados estaduais Bira do Pindaré, Edson Araújo e Rogério Cafeteira – que está com um pé no PDT. O ex-governador poderá reforçar a agremiação com o vice-governador Carlos Brandão, caso ele deixe o PSDB, o que fatalmente acontecerá se a direção nacional decidir entregar o comando do ninho dos tucanos maranhenses ao ex-prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, como, ao que tudo indica, está sendo desenhado em Brasília.

O fato é que uma mudança de orientação no PSB poderá soltar as amarras do partido e animar o quadro pré-eleitoral do Maranhão. Político de peso e focado num projeto para o qual dispõe das credenciais necessárias, José Reinaldo poderá levar o PSB a um patamar elevado nas eleições do ano que vem.

 

PONTO & CONTRAPONTO

 

Especial

Governo inaugura um Caic e um Iema em São José de Ribamar
iema são josé
Luis Fernando Silva, Flávio Dino e Jonathan Almada no laboratório do Iema

Educação de qualidade e novas oportunidades serão ofertadas pelo Governo do Maranhão aos estudantes de São José de Ribamar, a partir da entrega da primeira Unidade Plena do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia (Iema) e do Centro de Educação Integral Cidade de São José de Ribamar (Caic), inaugurados nesta quinta-feira (23), pelo governador Flávio Dino (PCdoB), ao lado do prefeito Luis Fernando Silva (PSDB). As inaugurações fazem parte do projeto de reestruturação da Rede Estadual de Ensino. As unidades reforçam a estrutura escolar da Cidade do Padroeiro, que já conta com duas escolas de tempo integral, o que a torna um polo educacional importante no Maranhão.

– Estamos mostrando que a gestão parceira surte resultados e que o Brasil tem jeito. Aqui no Maranhão caminhamos para grandes conquistas, a partir de um esforço coletivo e pelo bem da população. Essas inaugurações são muito especiais – destacou o governador Flávio Dino, com visível empolgação. Com o Iema Ribamar, somam cinco as unidades plenas entregues pelo Governo aos municípios de Bacabeira, Axixá, Coroatá e São Luís.

Por isso, também nesta quinta-feira (23), o governador Flávio Dino entregou, totalmente reformado e equipado, o novo prédio do Caic, que já tem 20 anos de funcionamento. “É um grande orgulho entregar mais uma escola que estava em uma situação degradante e, que, agora, se torna uma escola digna para a comunidade”, enfatizou o secretário de Estado de Educação (Seduc), Felipe Camarão, destacando o investimento que o Governo tem feito na recuperação física das unidades escolares.

Para o prefeito do município, Luís Fernando Silva, que construiu as duas escolas de tempo integral de São José de Ribamar na sua gestão passada, as inaugurações consolidam os esforços para melhorar a qualidade do ensino na região. “É mais uma escola em tempo integral que nasce na cidade, agora com ensino médio e soma ao pioneirismo que tivemos em implantar esta modalidade no município. Parabenizo o governador pelo compromisso e pela parceria com a nossa cidade”, ressaltou.

IEMA – A Unidade Plena do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema), com sede na Estrada de Panaquatira, Lote 01, bairro Mutirão, conta com 10 salas de aula, dois laboratórios, cozinha, refeitório, quadra poliesportiva com área urbanizada, auditório com instalação acústica, ginásio e laboratórios adequados e tem capacidade para 450 alunos em tempo integral. O prédio foi todo refrigerado e adaptado para receber pessoas com deficiência. O auditório tem capacidade para 200 pessoas. Na grade curricular serão ofertados cursos técnicos de Agricultura Orgânica, Guia de Turismo, Eletromecânica e Informática (Manutenção de Redes).

“A inauguração de mais essa unidade do Iema só reforça o compromisso do governador Flávio Dino com a implantação do ensino em tempo integral e profissionalizante. Estamos felizes em poder consolidar esse importante projeto”, destacou o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Jonathan Almada.

A jovem Nívea Ribeiro não conteve a satisfação com as melhorias no prédio. Para ela, um ganho imensurável na educação dos ribamarenses. “Levei um susto quando vi a nova estrutura. Nunca pensei que pudesse estudar em uma escola tão boa e equipada. Quando vi, pensei, ‘aqui começa o meu futuro’. Estou muito feliz por essa oportunidade”, disse a estudante (Secom, com adaptações).

São Luís, 23 de Fevereiro de 2017.

Um comentário sobre “Candidato irreversível ao Senado, José Reinaldo avisa que fica no PSB e vai comandar o partido no Maranhão

  1. Um governador que se preuculpar com educação de fato é um governo que está no rumo certo porque educação é a base de tudo para um cidadão meus parabéns governador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *